Estuprador é preso extorquindo vítima

Um homem foi preso e autuado em flagrante depois de dominar uma jovem, com uma faca, molestá-la sexualmente e exigir resgate. A polícia suspeita de que ele seja o autor de muitos dos crimes dessa modalidade registrados na região da Lapa, em São Paulo.Vários fatores apontam para o suspeito, Ronaldo Mendes da Silva, de 32 anos, que é desquitado e pai de um menino. Além do delito praticado nesta noite, ele trazia na carteira 11 fotos e alguns documentos de mulheres. Uma vítima de roubo reconheceu tanto o ladrão quanto a fotografia de uma amiga, que estava em sua companhia, quando seus documentos e dinheiro foram levados por ele.Sábado, por volta de 18h00, Ronaldo abordou a jovem H., de 19 anos, quando ela saía do trabalho. Ameaçando-a com a faca, obrigou-a a abraçá-lo e fingir que eram namorados. Desta forma, caminharam mais de um quilômetro. Pararam em um bar, tomaram lanche e seguiram à margem da linha da CPTM.Próximo à Ponte da Pompéia, na linha do trem, Ronaldo violentou a garota. Não satisfeito, resolveu extorqui-la, exigindo R$ 500,00 para liberá-la. A jovem reside com uma amiga. Ligou para ela, através de um telefone público. Ronaldo negociou o resgate e aceitou que a companheira de H. pagasse R$ 150,00. O dinheiro, em um pacotinho, deveria ser jogado do alto do viaduto, na linha do trem.Avisada, a polícia acompanhou a garota, no que parecia ser a entrega do resgate. Um pacote foi jogado e, enquanto Ronaldo ia apanhá-lo, H. aproveitou para fugir. Não tinha dinheiro, só papéis. O estuprador saiu em perseguição à refém, e, nesse momento, foi surpreendido pelos policiais.Autuado em flagrante no 7o. DP, cujo delegado espera que outras vítimas de estupro e roubo venham a reconhecê-lo, Ronaldo foi recolhido à carceragem.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.