Eventos marcam o 11 de setembro em São Paulo

O consulado norte-americano em São Paulo, a Câmara Americana de Comércio (Amcham-SP ) e o World Trade Center (WTC-SP) programaram uma série de eventos para marcar o primeiro aniversário dos ataques terroristas de 11 de setembro contra alvos civis e militares nos Estados Unidos. Neste domingo, acontece a primeira Corrida pela Paz, a partir das 9h. Aberta ao público, a prova de seis quilômetros começa na Rua da Paz 1.431, onde fica a Amcham-SP, chega ao prédio do WTC, na Marginal Pinheiros, e retorna ao ponto de partida. Haverá, para quem não corre, uma caminhada de três quilômetros no mesmo percurso. Após a corrida, será realizada cerimônia para a entrega de troféus aos cinco primeiros colocados nas categorias geral, feminino e masculino. Quatro bombeiros receberão placas de agradecimento. Os que completarem a prova receberão camiseta e medalha.Com texto de apresentação do escritor Ignácio de Loyola Brandão, será aberta neste domingo pela manhã na sede da Amcham-SP, a exposição Antes, Durante, Depois, do fotógrafo brasileiro Jaques Faing, que estava em NY para cobrir desfiles de moda, cancelados com o atentado. O fotógrafo registrou imagens que mostram como NY vivia e de como passou a viver. Algumas das fotos da exposição, que fica na Amcham até 15 de setembro, foram publicadas nas revistas Paris Match, Elle francesa e Marie Claire brasileira. A exposição não retrata as torres caindo.No dia 11, o consulado promove na União Cultural Brasil-EUA (rua Cel. Oscar Porto, 208, Paraíso) um debate sobre os atentados. Participarão o capitão Daniel Daly, do Corpo de Bombeiros de Nova York, que integrou as equipes de resgate das vítimas, o rabino Henry Sobel, o xeque Jihad Hassan Hammadeh e o padre Júlio Lancelotti.Na ocasião, será aberta uma exposição de 35 pôsteres com as principais fotos dos ataques publicadas pela imprensa internacional e com trabalhos artísticos feitos por alunos da União CulturalTambém no dia 11, a Assembléia Legislativa de São Paulo fará uma cerimônia em memória das vítimas de 11 de setembro. O capitão Daly e o cônsul-geral norte-americano, Patrick Duddy, participarão. Serão executados os hinos nacionais do Brasil e dos EUA.Na quinta-feira, dia 12, a Associação Viva o Centro prestará homenagem às vítimas dos atentados em cerimônia no Pátio do Colégio, no Centro. O comandante do Corpo de Bombeiros, e representantes do governo do Estado, da Associação Viva o Centro e do Consulado dos Estados Unidos falarão na ocasião.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.