Ex-miss Brasil é operada para reconstituir três dedos

A ex-miss Brasil Leila Schuster passou por uma microcirurgia nesta quarta-feira após ter sua mão direita esfaqueada em um assalto na entrada do desfile da Alessa, evento que faz parte do Fashion Rio.O Hospital Samaritano confirmou a microcirurgia de reconstrução na ponta de três dedos da mão direita - indicador, médio e anular. Também houve lesão grave nos tendões.Segundo seu amigo estilista Neil Brasil, Leila saía do seu carro em direção a uma concessionária de veículos em Botafogo, onde aconteceu o desfile da grife, quando foi abordada por dois bandidos de moto."Eles puxaram a bolsa dela e ela foi junto com a bolsa. Arrastaram ela 50 metros no asfalto e, para soltar a mão presa na bolsa, começaram a esfaquear sem parar", disse Neil.Leila, 35 anos, é gaúcha e mora no Rio de Janeiro há 12 anos. Ela foi miss Brasil em 1993 e hoje em dia tem uma grife, chamada Miss Schuster, da qual Neil é o estilista.A cirurgia foi bem-sucedida, e Leila está agora internada, em observação, tomando medicação intravenosa. Uma assessora do hospital disse que não ficou claro que tipo de objeto havia sido usado pelos bandidos durante o ataque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.