Exame mostra não haver nova lesão em Campos

Uma tomografia realizada no ex-senador Roberto Campos, na tarde de hoje, mostrou que ele não apresenta nenhuma lesão nova e que o quadro de recuperação pode ser considerado bom. Segundo a equipe médica que acompanha o ex-minisro do Planejamento, a pneumonia está controlada, não há mais sinal de febre e a bactéria que atingia os pulmões foi eliminada.Apesar da melhora, os médicos continuam mantendo o paciente na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) porque o estado dele é ainda considerado grave. Os remédios que sedavam o paciente foram retirados. A respiração dele está normal e ele não conta mais com a ajuda de aparelhos.Roberto Campos, de 84 anos, foi internado no dia 28 porque apresentava fecaloma (retenção de fezes), controlado. Em fevereiro de 2000, o senador sofreu uma isquemia cerebral, que prejudicou a fala e o impediu de escrever.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.