Excesso de veículos ainda provoca lentidão nas rodovias de SP

No feriado prolongado, apesar de o número de acidentes ter aumentado 3%, registro de vítimas diminuiu

Julia Baptista, do estadão.com.br,

08 de setembro de 2010 | 08h24

SÃO PAULO - Ainda há pontos de lentidão nas principais rodovias que cortam São Paulo na manhã desta quarta-feira, 8, devido, principalmente, ao excesso de veículos que voltam do feriado. Estão congestionadas as rodovias Bandeirantes, Castelo Branco, Presidente Dutra e Anhanguera.

 

Veja também:

blog Acompanhe a situação do trânsito em SP

 

Na rodovia Presidente Dutra, há lentidão entre os quilômetros 221 e 222 da pista expressa, próximo a Guarulhos, no sentido São Paulo, devido ao excesso de veículos. Na pista marginal, o congestionamento vai do quilômetro 217 ao 221, também no sentido da capital paulista. No Guarujá, sentido São Paulo, a morosidade atinge o trecho entre os quilômetros 204 e 210. Em São José dos Campos, o trânsito para entre os quilômetros 144 e 147. No sentido Rio de Janeiro, há lentidão entre os quilômetros 158 e 157 e do 211 ao 210.

 

No Rodovia dos Bandeirantes, a lentidão atinge o trecho que vai do quilômetro 18 ao 13, no sentido São Paulo. Na rodovia Castelo Branco, sentido capital paulista, há ponto de lentidão entre o quilômetro 32 e o quilômetro 26, devido à queda de moto. Na pista marginal, no sentido interior, há lentidão entre os quilômetros 19 e 21.

 

Há tráfego lento na chegada à capital pela via Anchieta, entre o quilômetro 13 e quilômetro 10, e pela rodovia dos Imigrantes, entre o quilômetro 18 e quilômetro 15, devido ao excesso de veículos. O Sistema Anchieta-Imigrantres está em operação normal, 5x5. A descida da serra é feita pelas pistas sul da via Anchieta e sul da rodovia dos Imigrantes; a subida é feita pela pista norte da rodovia dos Imigrantes e norte da via Anchieta.

 

Acidentes

 

Os acidentes nas rodovias estaduais de São Paulo cresceram 3% este ano no feriado prolongado de Independência em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE).

 

Apesar do aumento de acidentes, o número de vítimas caiu 6,8% este ano, quando 748 pessoas ficaram feridas nas estradas. O número de vítimas fatais este ano sofreu queda de 35% em relação a 2009. No feriadão, 43 pessoas morreram em acidentes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.