Exército convocado para fazer obras de ampliação de Cumbica

A Infraero vai acionar o Exército para colaborar com as obras de ampliação e reforma do Aeroporto Internacional de Guarulhos a partir de janeiro do ano que vem, segundo o diretor de Engenharia da estatal, Mário Jorge Moreira. O Batalhão de Engenharia e Construção do Exército deve assumir a pavimentação da ampliação do pátio de aeronaves, obra contratada com um consórcio liderado pela construtora Queiroz Galvão, mas que está paralisada desde maio. Mesmo que o contrato seja repactuado, já é certo que o Exército fará obras complementares."O Exército já há muito tempo trabalha com a Infraero. Nós sempre tivemos contratos com o Exército", afirmou Moreira. Segundo Moreira, o contrato está suspenso por causa de divergências entre os valores aplicados no contrato e um levantamento feito pelo Tribunal de Contas da União (TCU). O diretor estima que essas obras ainda devem demorar pelo menos dois anos. "As outras obras do Terminal 3 vão ser licitadas normalmente, no próximo ano", acrescentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.