Falsa enfermeira tenta seqüestrar bebê no RJ

Disfarçada de enfermeira, Kelly Fonseca, de 25 anos, tentou seqüestrar um bebê de cinco dias que estava com a mãe num dos quartos da Santa Casa de Misericórdia de Barra Mansa, na região Sul do RJ, na noite de terça-feira. Ela foi presa quando fugia do hospital. A polícia suspeita que Kelly faça parte de uma quadrilha especializada em tráfico de crianças.Kelly circulou com facilidade pela Santa Casa porque tinha um crachá restrito a funcionários, que ela utilizava na época em que fazia estágio em enfermagem no local. A falsa enfermeira aproveitou a ida da mãe do bebê ao banheiro e o apanhou. Ao retornar, a mulher acionou a segurança, que chamou a polícia.Levada para a 90ª Delegacia Policial (Barra Mansa), Kelly foi autuada por tentativa de seqüestro. Segundo o delegado Aguinaldo Ribeiro da Silva, ela só falará em juízo e não forneceu detalhes sobre a suposta rede de venda de menores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.