Falso fiscal da Prefeitura é preso em SP

O aposentado Silvio Gomes, de 68 anos, foi detido ontem à noite, em flagrante, no momento em que recebia propina de uma dentista passando-se por fiscal da Prefeitura. A prisão ocorreu no interior de um consultório, localizado no Tatuapé, zona leste de São Paulo, da dentista V.F., 27, que não quis ser identificada. Carregando uma pilha de papéis, a maioria cópias de Cadan (Cadastro de Anúncio) e folhas de sulfite em branco, o senhor de idade identificou-se como fiscal da Prefeitura e disse que iria cobrar R$ 600 de multa da dentista pois não havia o registro do Cadan na placa publicitária do consultório exposta no lado externo do prédio.A dentista disse que tinha comprado o ponto havia apenas 2 meses e que os documentos ainda não haviam sido passados no nome dela. O falso fiscal então exigiu R$ 100 em dinheiro para que ele esquecesse da multa e fosse embora. Desconfiada de que Gomes era um impostor, a dentista aceitou pagar a propina, mas teria que ir retirar o valor em um caixa-eletrônico e disse a Silvio que ele poderia esperá-la dentro do próprio consultório.Ao sair do prédio, V.F. ligou para o namorado e explicou a história. Foi decidido então que ela retirasse o valor, anotasse o n.º de série de cada nota e que tentasse manter por algum tempo o falso fiscal dentro do consultório para dar tempo de a polícia chegar no prédio e realizar o flagrante. Tudo ocorreu do jeito combinado. Policiais prenderam Gomes e após revistá-lo encontraram, além dos R$ 100 da dentista, mais R$ 2.153,00, proveniente de outros golpes. Ele foi autuado por estelionato e está preso por enquanto no 30.º Distrito Policial, do Tatuapé.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.