Falso fiscal rouba supermercado em Guarulhos e é preso

Portando um falso ofício do Ministério do Trabalho e passando-se por fiscal trabalhista, o estelionatário Marco Antonio da Silva, de 43 anos, foi preso, no início da noite de terça-feira, 10, após levar R$ 700 de um supermercado de Guarulhos, na Grande São Paulo. Ao chegar no estabelecimento, o criminoso mostrou um documento que seria um mandado de procedimento investigatório sanitário. Após a vistoria, Silva afirmou que havia muitas irregularidades e cobrou da gerente os R$ 700 como valor de multa. O estelionatário deixou a loja com o dinheiro e pegou um taxi. A filha da dona do supermercado anotou a placa do carro e acionou a polícia, que parou o veículo na Avenida Celso Garcia, no bairro do Tatuapé, na zona leste da capital. Preso, Marco Antonio foi levado ao 52º Distrito Policial, do Parque São Jorge, onde apresentou documentos falsos. De lá, foi encaminhado à Policia Federal. O criminoso responderá por usurpação da função pública, falsificação de documento público e estelionato.

Agencia Estado,

11 Abril 2007 | 08h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.