AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Falta de água já paralisa escolas em São Roque

A prefeitura de São Roque suspendeu as aulas desta quarta-feira (13) nas 52 escolas do município em razão da falta de água. Alguns estabelecimentos comerciais, na região central, também baixaram as portas. Os dois mananciais que fornecem água à Estação de Tratamento da Sabesp estão com o nível muito baixo.O prefeito José Fernandes Zito Garcia (PMDB) chegou a preparar um decreto de calamidade pública, mas suspendeu a edição para não prejudicar a festa das flores e da alcachofra que está sendo realizada na cidade. A Sabesp garantiu que 70% da população está recebendo água nas torneiras, embora de forma irregular. Outros 30% são atendidos por uma frota de caminhões-pipa.Em Itu, outra cidade da região afetada pela falta de água, o racionamento que vinha sendo adotado há um mês nos bairros mais altos foi estendido a toda a área urbana. A água chega às torneiras, em forma de rodízio, 8 horas por dia.Em Sorocaba, quatro bairros da região do Éden, na zona norte, estão sem água nas torneiras há uma semana. O abastecimento está sendo feito com caminhões-pipa. A principal causa é a queda no nível do ribeirão dos Ferraz, que alimenta a represa de captação.

Agencia Estado,

13 de outubro de 2004 | 18h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.