Família de empresário seqüestrada em Itapira é libertada

A mulher e três filhas de um empresário de Itapira, a 170 quilômetros de São Paulo, que atua no setor de combustíveis, foram libertadas domingo depois de permanecer quatro dias seqüestradas e mantidas "no meio do mato", como definiu o empresário. A libertação ocorreu depois do pagamento do resgate.A família, que teve a identidade preservada, foi rendida dentro de casa, no centro de Itapira, por três homens armados com revólveres, na última quarta-feira. No local, eles avisaram o pai das meninas de que o resgate custaria R$ 300 mil. O empresário não revelou quanto foi pago aos bandidos. A mãe e as três meninas foram deixadas, sem ferimentos, em um posto de combustíveis na rodovia Anhangüera .

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.