Família passa noite de horror em Caçapava

O gerente administrativo José Vitorelli Urzedo, de 54 anos, a mulher, Heloísa, e três filhos passaram horas de verdadeiro horror nesta quarta-feira, quando foram mantidos reféns durante um assalto que durou seis horas, em Caçapava, Vale do Paraíba.O assalto começou por volta das 23h30 desta quarta, quando o gerente chegava à sua casa, no centro da cidade. Ele estava na garagem, descendo do carro, quando foi rendido por dois homens fortemente armados e encapuzados.TorturasOs ladrões entraram na casa e amarraram as vítimas em dois cômodos, com cordas e fitas adesivas. Cerca de duas horas depois, outros dois homens chegaram à casa, para ?ajudar? no assalto. Os ladrões queriam descobrir onde estava guardado o dinheiro e, para isso, ameaçaram a família com requintes de crueldade.Como na casa não havia cofre, os assaltantes resolveram torturar as vítimas. A mulher e o gerente levaram várias coronhadas na cabeça. ?Eles batiam e diziam que eram capazes de matar.? Os ladrões bateram também nos filhos de 12 e 19 anos, na presença dos pais, e ainda colocaram um revólver na boca de um dos adolescentes, de 15 anos.Estado de choqueO gerente foi ainda ferido nas costas com a lâmina de facas. ?Nós estamos em estado de choque e com medo porque eles prometeram voltar.? Depois de torturar as vítimas, os ladrões fugiram levando jóias, o carro do gerente, talões de cheques, cartões e diversos eletrodomésticos.Mesmo depois da saída dos bandidos, a família ficou trancada, sem saber o que fazer. ?A gente não tinha certeza se eles já tinham ido embora e esperamos amanhecer?, afirmou uma das vítimas. O gerente e os filhos pediram socorro aos vizinhos, que os levaram até o hospital e depois à delegacia.O delegado Carlos Prado informou que as investigações começaram na manhã desta quinta-feira e que a polícia tem algumas pistas dos ladrões. ?São pistas que devem ser mantidas em sigilo para não atrapalhar as investigações.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.