Fechado asilo irregular em Jundiaí

A Vigilância Sanitária de Jundiaí, cidade a 60 quilômetros de São Paulo, fechou, por irregularidades, no final da tarde desta segunda-feira, o Lar dos Velhinhos.O secretário de Saúde da cidade, Renato Tardelli, disse que a instituição abrigava 22 idosos acima dos 65 anos, sem ter um médico ou enfermeiro responsável.Os idosos reclamaram que sofriam quedas na chácara da periferia do município onde ficava a instituição e ficavam dias sentidos dores, sem serem levados para hospitais. A Prefeitura de Jundiaí mobilizou quatro ambulâncias para a retirada dos idosos. A média era de dois idosos por ambulância. Eles foram deixados nos Hospitais São Vicente de Paulo e Domingos Anastásio. Um outro grupo seria levado para clínicas legalizadas do município. Os técnicos da Prefeitura de Jundiaí constataram ausência de corrimão nas escadas, quartos, piscina e até mesmo chão de terra batida nas instalações. A fiação elétrica dos quartos é toda exposta. Num dos aposentos não havia nem mesmo iluminação. A comida, segundo o secretário, não voltava para a geladeira. A dona do estabelecimento, Odete Vicente, disse que vinha tentando regularizar o asilo, mas enfrentou muita burocracia na Prefeitura. Ela disse que todos viviam bem e não havia maus-tratos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.