Feriado de São João deixa saldo de 27 mortes nas estradas baianas

Rodovias federais registraram o maior crescimento da violência nas estradas, 110% de aumento no número de mortes; imprudência é a principal causa de acidentes

Tiago Décimo, de O Estado de S. Paulo

28 de junho de 2010 | 18h02

SALVADOR - As rodovias federais e estaduais baianas registraram, entre a quarta-feira e a manhã desta segunda-feira, 28, feriado prolongado de São João, 302 acidentes, que resultaram em 27 mortes e 169 pessoas feridas. Os índices são maiores que os registrados no mesmo período do ano passado: 229 acidentes, com 19 mortes e 148 feridos.

 

As rodovias federais registraram o maior crescimento da violência nas estradas, 110% de aumento no número de mortes, de 10 em 2009 para 21 este ano. A Polícia Rodoviária Federal aponta a imprudência dos motoristas como principal causa dos acidentes. Apenas nas rodovias federais, durante o feriado, 4.186 motoristas foram flagrados dirigindo acima dos limites permitidos de velocidade e 24 foram detidos por consumo de bebidas alcoólicas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.