Feriado pode aumentar abstenção

Convocados para votar no segundo turno para presidente e em alguns Estados para governador no próximo dia 31, eleitores poderão faltar na eleição para viajar e aproveitar o feriado de Finados que, emendado, será de 4 dias, aumentando a abstenção eleitoral. No caso dos que trabalham em órgãos públicos, a folga pode ser de quase uma semana, já que em 28 de outubro é comemorado o Dia do Servidor Público.

Mariângela Gallucci / BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

06 Outubro 2010 | 00h00

O segundo turno cai no meio do feriado. Por enquanto a Justiça Eleitoral não tem programadas peças específicas para incentivar o eleitor a desistir de eventuais viagens para votar no meio do feriado. A campanha publicitária do segundo turno já está pronta e deverá começar a ser veiculada na segunda-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.