Diário Popular Ipatinga
Diário Popular Ipatinga

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Feridos em explosão de gasômetro da Usiminas têm alta hospitalar, diz empresa

Ao todo, 34 pessoas sofreram ferimentos após incidente na tarde de sexta-feira, 10; empresa diz investigar causas da explosão

Fernanda Guimarães, O Estado de S.Paulo

11 de agosto de 2018 | 12h52

SÃO PAULO -  Todos os 34 feridos na explosão de sexta-feira, 10, no gasômetro na usina de Ipatinga da Usiminas tiveram alta hospitalar, de acordo com informações divulgadas pela empresa. A siderúrgica mineira afirma que investiga as causas do ocorrido por equipes técnicas e tem o apoio de autoridades competentes.

A Usiminas diz ter realizado, com o apoio das autoridades públicas, um monitoramento da presença de gases na comunidade e que "não há registro de anormalidades, nem risco para a população".

Não há previsão para a retomada da operação em plena carga. No entanto, a empresa destaca que segue com plano de retomada gradual de suas atividades.

"Algumas áreas sem conexão com o setor afetado pela ocorrência, como Despacho, Laminação a Frio e Unigal, estão reiniciando suas atividades", informa em comunicado. 

Danos. A Câmara Municipal de Ipatinga emitiu uma nota em que informa que a explosão foi "sentida fortemente por todos que estavam no prédio". A Câmara informou, ainda, que a estrutura sofreu danos: vidros foram quebrados e parte do forro se desprendeu em algumas salas. Os servidores foram liberados na tarde desta sexta. 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.