Filas crescem e passageiros amargam atraso nos aeroportos

Os aeroportos do País continuavam com longas filas e atrasos de uma a duas horas na tarde desta quarta-feira. No Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, as filas do check-in voltaram a aumentar e pelo menos oito partidas estavam atrasadas até às 15 horas, nenhuma delas internacional.Apesar disso, a situação entre os passageiros que aguardavam no saguão era calma. Cinco vôos que chegariam à capital paulista estavam atrasados e todas as chegadas a partir das 15 horas confirmadas. O maior atraso era um vôo da TAM que iria para Aracaju com escala em Maceió, que deveria ter saído às 11h45 mas foi confirmado para às 15h20 e já aparecia como atrasado no painel.No Aeroporto de Congonhas, na zona sul, 18 vôos de chegada e nove de partida estavam atrasados. Uma senhora que chegou em São Paulo vinda de Curitiba chegou a desmaiar no desembarque e foi atendida nos primeiros socorros do terminal. Segundo informações da Rádio Eldorado, o desmaio teria ocorrido por conta de um acidente de carro que a passageira sofreu antes de chegar na cidade. As empresas aéreas que operam em Congonhas chegaram a suspender a venda de passagens com destino a Brasília.No Aeroporto Internacional de Salvador, apesar das grandes filas nos balcões de check-in e da concentração de pessoas no saguão, a Infraero considerava "tranqüila" a situação. Entre a madrugada e o fim da manhã desta quarta-feira, houve nove cancelamentos de vôos e dez atrasos de mais de uma hora. O caso mais grave é do vôo da Gol, com destino a São Paulo, previsto para as 23h30 de terça-feira e remarcado para as 14h30 desta quarta.Até às 13 horas, pelo menos 21 vôos, entre nacionais e internacionais, estavam atrasados ou foram cancelados no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, no Rio de Janeiro. No terminal 2, cerca de 400 pessoas aguardam na fila do check-in da TAM.Em Brasília, as filas eram grandes e apenas um vôo tinha partido sem atrasos. Para protestar, os passageiros realizaram um "apitaço" no saguão de espera. Às 12 horas, passageiros com embarque previsto para o final da tarde e o começo da noite já chegavam ao Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek para tentar adiantar o check-in. Na capital federal, uma menina de dez anos que embarcou para Belém sozinha na noite de terça-feira, passou a madrugada na sala de espera sem que sua família tivesse notícias. Em Manaus, três vôos foram cancelados na madrugada de quarta-feira no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, segundo informações de atendentes das companhias aéreas. O vôo 3542 da TAM, que deveria pousar em Manaus às 23h44 de terça-feira foi cancelado. O 1783, que chegaria em Manaus do Rio às 2 horas desta quarta-feira foi cancelado e também o 1782, que voltaria para o Rio. Segundo as companhias, os passageiros vão ser remanejados para outros vôos.Na manhã desta quarta-feira, no aeroporto de Confins, em Minas Gerais, 12 vôos foram cancelados e quatro tinham atrasos. Em Recife, 21 pousos e decolagens estavam atrasados até às 9h30.Na região Sul do País, o aeroporto de Porto Alegre tinha três vôos atrasados, dentre eles um que seguiria para Brasília. No Aeroporto Afonso Pena, em Curitiba, dois vôos tinham atrasados e dois foram cancelados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.