Filho de cobrador morto em acidente do Metrô nasce em SP

Nasceu nesta quinta-feira, 22, o menino Kauã, filho do cobrador Wescley Adriano da Silva, que morreu no desabamento da futura Estação Pinheiros do Metrô, no último dia 12 de janeiro, em São Paulo. Kauã Ferreira da Silva nasceu no Hospital Sepaco, na Vila Mariana, zona sul de cidade, às 11h19 minutos, com 2,9 kg e 48 cm. Ele e a mãe, Thais Ferreira Gomes, de 20 anos, passam bem. Wescley, de 22 anos, trabalhava na van que foi tragada pela cratera que se formou no local com o desabamento das obras. O corpo dele foi retirado da área seis dias após o acidente e enterrado no dia 20 de janeiro em Natal, no Rio Grande do Norte. A família do cobrador ainda não entrou em acordo sobre a indenização com o Consórcio Via Amarela, responsável pelas obras da linha 4 do Metrô.

Agencia Estado,

22 Fevereiro 2007 | 17h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.