Filho de ex-ministro morre ao cair de prédio

O estudante Felipe Klein, de 23 anos, filho do ex-ministro dos Transportes e atual secretário da Agricultura do Rio Grande do Sul, Odacir Klein, morreu no sábado à noite, em Porto Alegre, em circunstâncias ainda não esclarecidas pela polícia. O delegado Cléber Ferreira, que coordena as investigações, ouviu de testemunhas que o jovem foi visto no parapeito da janela no nono andar do edifício, de onde ele caiu na calçada da rua Duque de Caxias, no centro. Pela posição do corpo, o policial acredita que Felipe tenha tomado impulso para saltar.Pouco depois do incidente, o político foi encontrado dentro do apartamento dizendo palavras desconexas. "Ele estava transtornado", disse o delegado. Klein foi levado para o hospital em estado de choque. O filho foi enterrado no final da tarde deste domingo, no cemitério São Miguel e Almas.Esta é a segunda tragédia familiar de Klein, que também foi deputado federal. Em 1996, quando era ministro dos Transportes, ele estava no carro dirigido por outro filho, Fabrício, então com 18 anos, que atropelou o pedreiro Elias Barbosa de Oliveira Júnior, de 24 anos, em Brasília, e fugiu sem prestar socorro. Pouco depois do acidente, Klein afastou-se do cargo que ocupava no governo de Fernando Henrique Cardoso. Fabrício foi condenado a pagar R$ 30 mil à família do pedreiro e a doar uma cesta básica por mês, durante dois anos, a uma instituição de caridade.

Agencia Estado,

18 de abril de 2004 | 21h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.