Filho de Fernandinho Beira Mar é preso na Paraíba com 4 quilos de cocaína

Luan, de 22 anos, foi preso em Campina Grande junto com um amigo de 26 anos ao tentar embarcar com a droga em um ônibus com destino a João Pessoa

Adelson Barbosa dos Santos, especial para o Estado de S. Paulo

02 de agosto de 2010 | 18h33

JOÃO PESSOA - Operação conjunta das polícias Federal, Rodoviária Federal e Militar da Paraíba resultou na prisão de Luan Medeiros da Costa, 22 anos, filho do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira Mar. Luan foi preso por volta das 23h30 de domingo, no centro de Campina Grande, após embarcar o traficante Otávio Luiz de Andrade Novais, 26 anos, com quatro quilos de cocaína, em um ônibus da empresa Guanabara, com destino a João Pessoa.

 

O ônibus foi parado cinco quilômetros após ter deixado a rodoviária de Campina Grande, em um posto da Polícia Rodoviária Federal, onde os policiais encontraram Otávio Luiz com a droga.

 

Outra equipe policial prendeu Luan e o também traficante Edson Cunha Ataíde Filho, 21 anos, em uma lanchonete no centro de campina Grande, de onde seguiriam de carro para João Pessoa. Os dois negaram participação no embarque da cocaína. Segundo o delegado Francisco Leônidas, a PF investiga a ligação de Luan com o pai. A PF quer saber se, mesmo preso, Beira Mar poderia estar comandado o tráfico de drogas na Paraíba. Luan é filho do traficante carioca com uma paraibana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.