AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Filho de senhora que morreu no metrô será indenizado

A Companhia do Metropolitano de São Paulo ( Metrô) foi condenada nesta terça-feira pela juíza Maria Lucia Ribeiro de Castro Pizzotti da 32ª Vara Cível, a pagar indenização de R$ 720 mil , com juros e correção monetária, a Clóvis Tavares de Souza Filho, por danos morais.No dia 30 de agosto de 2001, a mãe de Clóvis - senhora de idade avançada, sentiu-se mal e morreu dentro de uma composição (trem) do metrô, que ficou parada durante longo tempo dentro de um túnel, em razão de falha mecânica.A juíza fixou o valor da indenização levando em conta "o poderio financeiro do metrô". Ainda segundo a juíza, a condenação deve ter efeito preventivo para evitar a repetição de ato ilícito. Assim, a indenização não pode ser pequena "sob pena de não se obter o pretendido efeito repressivo".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.