Finados: até 3 milhões devem visitar cemitérios em SP

A Prefeitura de São Paulo começou a intensificar os trabalhos na ?Operação Finados? para receber até 3 milhões de pessoas nos cemitérios da cidade nesta quinta-feira, 02. Segundo o superintendente do serviço funerário municipal, Celso Caldeira, mais de mil funcionários foram convocados para trabalhar. Os cemitérios da capital paulista ficarão abertos das 7 às 19 horas na quinta. Em entrevista à Rádio Eldorado AM, Caldeira garantiu que o número será suficiente para atender à demanda com serviços de manutenção, limpeza e informação. "É uma operação bastante complexa que irá envolver também a Guarda Civil Metropolitana, a Polícia Militar, a Sabesp, além da Companhia de Engenharia de Tráfego, que irá organizar o tráfego nas regiões próximas aos cemitérios e as empresas ônibus", explicou. O serviço funerário municipal terá um custo de aproximadamente R$ 2 milhões com a operação, segundo o superintendente. Uma força tarefa especial será montada para orientar a população e também serão distribuídos folhetos informativos sobre o serviço funerário..

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.