Finados: Esquema especial de trânsito começa nesta quarta

Mais de 2,5 milhões de pessoas devem visitar os 22 cemitérios da Cidade na quinta-feira, 02. E, para que o feriado de Finados seja tranqüilo, a Capital terá um esquema especial de transporte e segurança. Mais de 450 linhas de ônibus municipais que levam aos cemitérios terão alteração no itinerário.Será criada uma linha especial para atender os visitantes do maior cemitério da América Latina, o de Vila Formosa (Terminal A.E Carvalho-Terminal Vila Carrão). A maioria das linhas vai funcionar no horário de sábado. Para se informar sobre os itinerários, basta acessar o site da SPtrans ou ligar para o 156.A Companhia de Engenharia e Tráfego (CET) vai monitorar o trânsito e a circulação de pedestres. Perto dos cemitérios de Vila Nova Cachoeirinha, Vila Formosa, da Saudade, Itaquera, São Pedro, Santo Amaro e Jardim São Luís haverá alteração viária - ruas serão interditadas e outras mudarão de sentido. Os motoristas deve ficar atentos.A dica da CET para evitar problemas de falta de estacionamento e roubo de carros é que os visitantes usem ônibus ou metrô para ir aos cemitérios. Quem for de carro deve estacionar longe dos acessos do cemitério. Amanhã não haverá rodízio.Cerca de 450 guardas civis metropolitanos vão reforçar a segurança nos locais mais movimentados. Os cemitérios funcionam no feriado das 7h às 19h.Cerca de 350 mil veículos devem deixar a cidade em direção ao Litoral no feriado de Finados. A previsão da concessionária Ecovias é de que a Operação Descida seja implantada nesta quarta, 1º, a partir das 15h. Os motoristas podem usar as duas pistas da Via Anchieta e a Pista Sul da Rodovia dos Imigrantes.Para o Rio de Janeiro, o número de veículos deve chegar a 195 mil. Pelas estradas que servem a região de Campinas e do circuito serrano das águas espera-se que passem 762 mil veículos até domingo.A Secretaria de Estado dos Transportes recomenda que os motoristas evitem os horários de maior movimento: entre 15h de hoje e 2h de amanhã. E também das 7h às 16h desta quinta-feira e das 15h às 24h de sexta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.