Fiscalização detecta exploração de trabalho infantil no PR

A Delegacia Regional do Trabalho do Paraná e Secretaria Estadual do Trabalho e Promoção Social flagraram a exploração de trabalho infantil de 11 crianças com idade entre 7 e 9 anos, nos municípios de Grandes Rios, Arapuá, Jardim Alegre e Ivaiporã, no Paraná.As crianças trabalhavam em atividade informal de coleta de materiais recicláveis. Ele disse que esses municípios foram escolhidos para fiscalização, pois não havia registro de pedido de bolsas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), o que levantou a suspeita dos organizadores da ação. Segundo a Radiobrás, as famílias dos menores encaminhados ao programa podem ser beneficiadas pelo Bolsa-Escola.A mesma operação também encontrou um jovem de 16 anos e dez adultos trabalhando sem registro em carteira de trabalho. Os setores fiscalizados foram o de madeira, comércio, olarias, construção civil e corte de cana-de-açúcar. Sete dos 16 estabelecimentos vistoriados foram autuados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.