Fiscalização revela maus-tratos contra idosos em SP

A Promotoria do Idoso realizou blitze em asilos na zona Sul de São Paulo para apurar denúncias de maus-tratos. As operações aconteceram ontem, à noite, e envolveram três asilos no bairro de Vila Mariana que pertencem aos mesmos donos. Numa das casas visitadas pelos promotores apenas uma funcionária se encontrava no local para cuidar de mais de 20 pacientes. No quarto, eles encontraram o estrado da cama solto e prego exposto, colocando o idoso em risco. Os proprietários do estabelecimento são velhos conhecidos da promotoria e vêm sendo fiscalizados desde 1995. Segundo o Bom Dia SP, da TV Globo, uma outra residência na Vila Mariana foi totalmente reformada, mas o tratamento dispensado aos velhinhos é o mesmo de antes. Uma senhora foi encontrada dormindo amarrada num sofá. Num dos quartos, os promotores localizaram uma idosa que necessitava de acompanhamento médico. Em outros cômodos, três senhores eram obrigados a dividir a mesma cama e outros estavam amarrados com lençóis. Depois de providenciar novas camas e soltar os velhinhos, o gerente da casa foi levado à polícia para prestar esclarecimentos. Ele vai responder por maus-tratos e por periclitação de vida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.