Físico é o mais votado para reitor da Unicamp

O físico Carlos Henrique de Brito Cruz foi o vencedor da consulta acadêmica para a escolha do novo reitor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Brito teve 51,77% dos 10.830 votos válidos da eleição, encerrada ontem. O candidato, que obteve mais que 50% dos votos válidos, venceu a disputa sem necessidade de segundo turno. Em segundo lugar ficou o filósofo Roberto Romano da Silva, com 20,51% dos votos, seguido do químico Fernando Galembeck, que obteve 14,74%.O engenheiro José Tomaz Vieira Pereira e o físico Vitor Baranauskas tiveram, respectivamente, 11,92% e 1,06% da votação. A nomeação oficial do reitor cabe ao governador Geraldo Alckmin, a quem será apresentada uma lista com os três nomes mais votados. Ele deverá acatar a decisão da comunidade acadêmica e nomear Brito para o cargo.Houve um número alto de abstenções por parte de alunos e servidores. No total, 16.170 alunos se abstiveram do voto e 1.968 servidores. Entre os professores, 297 optaram pela abstenção. De acordo com números divulgados pela Unicamp, votaram 20.042 alunos, 7.184 servidores e 2.039 professores, cujos votos valiam três quintos, contra um quinto das outras duas categorias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.