Florianópolis só deve ter energia por volta das 18h

O blecaute que atingiu toda a Ilha de Santa Catarina, onde fica Florianópolis, prossegue nesta manhã. O abastecimento de energia elétrica só deverá ser retomado no final da tarde, por volta de 18h, segundo Eduardo Sitonio, diretor da Companhia de Energia Elétrica de Santa Catarina (Celesc). O governador Luiz Henrique e a prefeita Ângela Amin decretaram ponto facultativo hoje em todas as repartições públicas em Florianópolis. Boa parte do comércio na região também não abriu as portas. Por causa da falta de energia, o governador catarinense pediu à população que permaneça em casa. Eduardo Sitonio, da Celesc, informou que técnicos estão trabalhando incessantemente para resolver o problema. Ele explicou ao telejornal Bom Dia Brasil, da Rede Gloo, que cabos de transmissão foram queimados na explosão ocorrida em uma das galerias da ponte Colombo Salles, que liga a ilha ao continente, onde passam os cabos de energia elétrica. Ontem, por volta das 14h, a explosão de um botijão de gás de um aparelho de solda perto dos cabos deixou os moradores da capital catarinense sem energia elétrica. O acidente aconteceu quando dois funcionários da Celesc faziam reparos nos tubos no interior da ponte. As informações são do site do jornal A Notícia, de Joinville.

Agencia Estado,

30 de outubro de 2003 | 10h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.