Folia de Salvador registra primeiro ferido por arma de fogo

Testemunhas afirmam que disparo ocorreu por rixa entre facções criminosas

Tiago Décimo, O Estado de S. Paulo

14 de fevereiro de 2015 | 20h25

SALVADOR - O carnaval de Salvador registrou, na madrugada deste sábado, 14, seu primeiro ferido por arma de fogo. Segundo a Prefeitura, a vítima foi identificada como João dos Santos Nascimento Júnior, de 27 anos, que foi ferido na perna. O caso ocorreu nas proximidades do ponto de início dos desfiles do Circuito Osmar (Campo Grande). No momento do disparo, não havia blocos passando pelo local. 

O autor do tiro ainda não foi identificado, mas câmeras de vigilância instaladas na área flagraram a ação e a polícia divulgou as imagens para tentar localizar o criminoso. De acordo com testemunhas, o agressor perguntou à vítima a qual grupo (facção) ela pertencia antes de atirar. Nascimento Junior passou por cirurgia e está internado no Hospital Ernesto Simões.

Já nas proximidades do outro circuito de desfiles de trios de Salvador, o Dodô (Barra-Ondina), um policial militar foi atingido por um disparo de arma de choque feito por um guarda municipal, já na manhã deste sábado, 14. De acordo com a Prefeitura, ele furou um bloqueio de blitz da lei seca, mas foi parado cerca de 50 metros depois, por uma viatura da Guarda Municipal. 

O policial, que estava de folga, teria, então, tentado agredir um dos agentes e foi atingido pelo disparo. Desacordado, ele foi levado para o Hospital Geral do Estado para a retirada do dardo. A PM informou que ele foi ouvido e liberado em seguida.

Apesar dos casos, segundo a Prefeitura, o número de atendimentos nos Módulos de Assistência à Saúde montados nos circuitos - 1.075 casos entre a noite de quinta-feira e a manhã deste sábado - é, até o momento, 20,6% menor este ano do que no mesmo período do ano passado.  

Tudo o que sabemos sobre:
CarnavalSalvador

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.