Folião cai de carro de som e sofre fratura craniana no Rio

O folião Sérgio Vera Cruz, de 52 anos, caiu de um dos carros de som do Cordão da Bola Preta. A queda de cerca de dois metros provocou fratura em ossos do crânio. Ele foi levado para o Hospital Souza Aguiar, onde foi atendido no setor de traumas. Segundo a organização do desfile do Bola Preta, cerca de R$ 70 mil foram gastos com seguranças, músicos e veículos. Desse valor, R$ 10 mil são recursos da prefeitura. Ainda para este sábado, pelo menos sete blocos estavam previstos para sair em diversos pontos da cidade.O Centro do Rio foi invadido hoje por milhares de foliões, de crianças a idosos, do Cordão do Bola Preta, bloco que abre oficialmente o carnaval na cidade. Neste ano, ele trouxe pela primeira vez a modelo Luma de Oliveira, que trocou de vez a Marquês de Sapucaí pela Avenida Rio Branco, por onde segue o bloco.Seguindo o carro de som, foliões de todas as idades, fantasiados e uniformizados com figuras do cartunista Lan, cantavam e dançavam ao som da banda. Havia pessoas de vários municípios do Estado, muitas vindo pela primeira vez.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.