Força tarefa investigará grupos de extermínio no Nordeste

Terminou há pouco a reunião do ministro Nilmário Miranda, da secretaria Nacional de Direitos Humanos, com 19 presidentes de Comissões de Direitos Humanos das Assembléias Legislativas. Entre as principais decisões, está a criação de uma força tarefa envolvendo o governo federal e os governos da Paraíba e de Pernambuco, para investigar a atuação de grupos de extermínio nesses estados. Os deputados estaduais e presidentes das Comissões Legislativas de Defesa dos Direitos Humanos das Assembléias divulgaram moção de apoio à visita ao Brasil do relator especial da Comissão de Direitos Humanos da ONU para a Independência de Juízes e Advoga dos, Leandro Despouy, "por entenderem que essa missão irá analisar e avaliar o trabalho do Poder Judiciário, uma vez que este exerce papel relevante na proteção e defesa dos Direitos Humanos". A data para a visita do relator da ONU ao Brasil ainda não foi definida. As informações são da Agência Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.