Força-tarefa prende mais uma quadrilha na Bahia

A força-tarefa criada pela Secretaria de Segurança da Bahia com apoio do Ministério Público e Tribunal de Justiça conseguiu desarticular hoje a quinta quadrilha de assaltantes de bancos que atuava no interior baiano provocando pânico nas pequenas cidades. Sete pessoas foram presas com técnicas de inteligência investigativa. O bando assaltou na semana passada a agência do Banco do Brasil do município de Tancredo Neves a 150 quilômetros de Salvador. Com eles foram apreendidas 19 armas, entre as quais pistolas automáticas, submetralhadoras e fuzis automáticos."Infelizmente o armamento é todo contrabandeado", disse o delegado Jardel Peres um dos comandantes da força-tarefa. Segundo ele as quadrilhas são formadas por bandidos de vários estados e isso dificulta a apuração. Os membros baianos tem a função de fazer o levantamento nas cidades que serão atacadas. Quando estão com as informações uma parte imobiliza os policiais das pequenas delegacias de polícia dessas cidades e outra saqueia os bancos. Com a atuação da força-tarefa mais de trinta bandidos foram presos em dois meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.