FÓRUM: A morte do bebê esquecido no carro pelo pai

O bebê Gustavo de Oliveira Garcia, de 1 ano e 4 meses, morreu nesta quinta-feira, 12, depois de ser esquecido dentro do carro pelo pai. Não é o primeiro caso do gênero, e psicólogos observam que a rotina estressante e "automática" faz com que situações semelhantes ocorram, mesmo que os desfechos trágicos sejam mais raros. Você concorda? Já esqueceu seu filho em algum lugar ou sabe de alguém que tenha passado por este tipo de situação? O que você acha do caso de Gustavo?   Clique aqui, dê sua opinião e leia outros comentários

Agencia Estado,

13 Abril 2007 | 11h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.