Fórum LGBT vai organizar ato

O caso das mortes em série no Parque dos Paturis voltará à pauta de discussão do Fórum Paulista LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros) na próxima reunião, no dia 29 deste mês. "Depois da prisão (do policial aposentado Jairo Francisco Franco, detido em 12 de dezembro e solto em 12 de janeiro), achamos que o caso seria resolvido", diz Julian Rodrigues, do Fórum. Agora, o órgão que reúne militantes de ONGs GLS promete organizar um ato contra a homofobia. "Vamos também cobrar diálogo com a Secretaria de Segurança Pública e pedir o resultado da investigação", diz o militante Paulo Mariante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.