Frade é preso, acusado de atentado ao pudor

Frei Ângelo Chiarelli, de 64 anos, foi preso em flagrante na sexta-feira, em Rio do Sul (SC), acusado de atentado violento ao pudor. Quando os policiais entraram em seu apartamento, anexo à igreja, ele estava sentado no quarto com uma garota de 13 anos - tinha o zíper da calça aberto. A polícia já monitorava as ligações do frade à garota - o envolvimento foi denunciado pela família dela. À imprensa, o frade admitiu o relacionamento, mas negou relação sexual. Em seu notebook havia fotos de pornografia infantil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.