Frente fria pode causar chuva no fim de semana em SP

O fim de semana deverá ser frio e chuvoso em São Paulo, de acordo com a Defesa Civil. O órgão enviou alerta sobre uma nova frente fria que deverá causar pancadas de chuva no Estado entre sábado, 25, e segunda-feira, 27. Há risco de temporal com raios e rajadas de vento de até 70 km/h no sábado nas regiões sul, centro e oeste do Estado, e no domingo e segunda em todas as regiões.A Defesa Civil alertou para o risco de alagamentos, deslizamentos de terra e escorregamentos de pedra, e orienta a população a buscar abrigo em lugares protegidos de raios e ventos. Os alertas foram baseados em informações do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Cptec/Inpe).Outros EstadosAs defesas civis dos Estados do Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul foram alertadas pela Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, quanto à possibilidade de temporais entre esta sexta-feira, 24, e domingo, 26. De acordo com a Sedec, no Rio Grande do Sul, áreas de instabilidade somadas à passagem de uma nova frente fria pelo Sul do Brasil provocarão pancadas de chuva entre esta sexta e sábado, 25. Em alguns momentos, a tempestade deve ser acompanhada de descargas elétricas e rajadas de vento de até 80 quilômetros por hora. A possibilidade de granizo em áreas isoladas não está descartada. Ainda nesta sexta, em Santa Catarina, a ação de uma nova frente fria provoca pancadas de chuva no Estado. Em alguns momentos, os temporais devem ser acompanhados de descargas elétricas e rajadas de vento de até 80 quilômetros por hora no oeste catarinense. A possibilidade de granizo em áreas isoladas não está descartada. No sábado e no domingo a passagem da frente fria provocará chuva em todas as regiões do Estado, nas mesmas condições. Já para os Estados do Paraná e do Mato Grosso do Sul, o alerta indica que, entre esta sexta e domingo, áreas de instabilidade vindas do Paraguai somadas à passagem de uma nova frente fria, devem provocar temporais em todas as regiões dos dois Estados. Em alguns momentos, a chuva forte deve ser acompanhada de descargas elétricas e rajadas de vento de até 80 quilômetros por hora. A possibilidade de granizo em áreas isoladas não está descartada para o Mato Grosso do Sul.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.