Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

Funcionária de creche incendiada por vigia morre após um mês internada em MG

Geni Martins, de 63 anos, foi a 12ª vítima do incêndio provocado por Damião dos Santos no início de outubro

O Estado de S.Paulo

06 Novembro 2017 | 07h28

A auxiliar de professora Geni Oliveira Lopes Martins, de 63 anos, é a 12ª vítima fatal do incêndio provocado pelo segurança de uma creche em Janaúba, no norte de Minas Gerais, no dia 5 de outubro. Ela estava internada no Hospital Municipal João XXIII, em Belo Horizonte, e faleceu na madrugada desta segunda-feira, 6. A informação foi confirmada pela Prefeitura de Janaúba.

+++ Morre a 9ª criança vítima de incêndio em creche em Minas

Além de Geni, morreram também a professora Heley Batista, nove crianças que estudavam na escola e o próprio homem que ateou fogo na sala de aula - Damião dos Santos, de 50 anos . Outras vítimas permanecem internadas em hospitais de Belo Horizonte e Montes Claros. 

As aulas na Escola Municipal de Educação Infantil Gente Inocente foram retomadas no dia 19 de outubro, em um prédio provisório

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.