Funcionários de bingos protestam em Curitiba

Funcionários de bingos, que foram fechados por decreto do governador do Paraná, Roberto Requião (PMDB), protestaram, nesta terça-feira, com uma passeata pelas principais ruas da cidade que terminou em frente ao Palácio Iguaçu, sede do governo do Estado.Segundo os manifestantes, 1,5 mil pessoas participavam da marcha, enquanto policiais militares disseram que só havia mil. De acordo com empresários, os 28 bingos do Estado empregam cerca de quatro mil pessoas.Representantes dos trabalhadores pretendiam reunir-se com o governador, mas, pela manhã, Requião já enviara um recado de que não os receberia. "Eu recebo o MST, os professores, eu não recebo representantes de uma estrutura que, no Brasil inteiro, só lava dinheiro", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.