Gaeco apreende servidores de site

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) apreendeu ontem os servidores do site APi Informações - endereço virtual que vendia dados sigilosos de pessoas físicas e jurídicas do País. Pelo nível de detalhes, os promotores suspeitam que as informações vinham de bancos de dados de órgãos públicos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.