Galo da Madrugada anima o Recife

Bloco reúne 1,5 milhão de foliões

, O Estadao de S.Paulo

22 Fevereiro 2009 | 00h00

O Galo da Madrugada tomou conta das ruas do Recife ontem, reforçando o título de maior agremiação carnavalesca do mundo, agora também detentor do título de patrimônio cultural e imaterial de Pernambuco, carnaval que tem na ministra Dilma Rousseff sua maior garota-propaganda. "A pessoa aqui brinca, não olha", disse.Desde as 7 horas, a folia e a irreverência dominaram a concentração do Galo, no Forte das Cinco Pontas. A criatividade era a característica dos foliões, seja em fantasias ricas - como as dos membros do carro abre-alas - ou em personagens que já viraram marca registrada do carnaval. "Zé Bonitinho", ou Adélson Reis, advogado, de 40 anos, brincou pela vigésima vez no Galo. Gente de vários Estados, que adora o carnaval local, se juntou em grupos como o São Jorge, que uniu 40 pessoas do Rio, Minas, São Paulo, Espírito Santo e Pernambuco. Trinta e cinco trios elétricos e três carros alegóricos animaram a multidão, levando orquestras de frevo, artistas e bandas como Quinteto Violado e Nação Zumbi. Numa festa que se orgulha de ser democrática, também houve espaço para as bandas Calypso e Saia Rodada.Neste ano, 4 mil homens das polícias militar, civil, bombeiros e batalhão de choque fizeram a segurança da festa. O desfile homenageou o fundador, Enéas Freire, que morreu no ano passado, aos 86 anos.O Galo já produziu vários filhotes, especialmente depois que cresceu ao ponto de atrair 1,5 milhão de pessoas. Ao nascer, ele saía às 5 horas com o objetivo de revigorar o carnaval de rua. Hoje, essa missão é do Pinto do Galo da Madrugada, que fez ontem seu 21º desfile, em percurso inverso ao do Galo. Os dois se encontraram por volta das 9 horas. O Pinto tem como inspirador o poeta pernambucano Ascenso Ferreira e, durante o percurso, os integrantes fazem paradas para declamar suas poesias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.