Garotinho anuncia volta da "Pressão Máxima" nos morros

O Secretário de Segurança do Estado, Anthony Garotinho anunciou para esta segunda-feira, o retorno da "Operação Pressão Máxima" de combate ao tráfico de armas e drogas nos morros da cidade. A operação foi desmobilizada em função do carnaval que teve um outro esquema de policiamento na cidade. Vão participar desta nova fase 850 policiais, dos quais 575 militares e 275 civis. As incursões serão feitas diariamente em 64 locais espalhados por toda a região metropolitana do Rio.O final de semana no Rio foi muito violento. Três policiais militares foram executados, um seqüestro relâmpago, tiroteio e morte dentro de um ônibus na linha vermelha, dois feridos em troca de tiros na porta do Estádio da Portuguesa na Ilha do Governador e tiroteio entre policiais militares do vigésimo segundo batalhão e traficantes em Manguinhos enfrossaram as estatísticas nas últimas 24 horas.Hoje a tarde vão ser enterrados no cemitério Jardim da Saudade em Sulacap os corpos do Sargento José Pereira a da Conceição e do soldado Tiago Alves Cunha mortos por bandidos em Nilópolis, na baixada fluminense. Na zona sul do Rio, a polícia está fazendo buscas para tentar encontrar um empresário que teria sido seqüestrado esta manhã em seu próprio carro. Os seqüestradores estariam obrigando o empresários a efetuar saques em bancos 24 horas por vários bairros da cidade.As informações são da Agência Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.