Garotinho reabre amanhã pista da Linha Vermelha

Depois de 20 dias fechada, a pista de descida, sentido Baixada Fluminense-Centro, da Linha Vermelha no Rio, será reaberta ao tráfego amanhã, às 12 horas, pelo governador Anthony Garotinho(PSB). O Departamento de Estradas e Rodagens (DER) concluiu na madrugada de hoje a pavimentação do trecho de 37 metros, que afundou depois de um incêndio na favela da Lacraia, que ficava embaixo da via expressa.Duas crianças morreram na tragédia. Os 300 moradores da favela foram transferidos para um conjunto habitacional do governo do Estado na zona oeste do Rio.A obra de reconstrução da Linha Vermelha custou R$ 1,5 milhão e a previsão inicial para a sua conclusão era de 35 dias. Este prazo, porém, foi antecipado em 15 dias, graças à adoção de um sistema de revezamento que possibilitou que o trabalho de recuperação não fosse interrompido durante a noite.O incêndio na Linha Vermelha prejudicou bastante o trânsito na cidade e atrapalhou a vida de muitos motoristas que trabalham no Rio e moram na Baixada Fluminense ou na Ilha do Governador, zona norte, que são obrigados a usar todos os dias a via expressa.Apesar da liberação para o tráfego, o trabalho na Linha Vermelha ainda continuará na próxima semana. Para evitar novas ocupações no trecho atingido pelo incêndio, o DER irá aterrar o local e deverá instalar grades ou plantas para proteger a área isolada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.