Glória Trevi volta para cela de delegacia

A cantora mexicana Glória Trevi e seu filho Angel Gabriel, de cinco meses de idade, foram transferidos hoje da Casa das Irmãs Missionárias de São Carlos Borromeo, na Quadra 905 Sul, em Brasília, para uma cela na 3º Delegacia Policial, no bairro do Cruzeiro, que Gloria já esteve anteriormente. A cantora permaneceu na casa das irmãs durante 12 dias, graças a uma liminar que lhe foi dada durante o recesso do Judiciário, em julho, pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Marco Aurélio Mello, permitindo-lhe cumprir prisão domiciliar.Entretanto, ontem, o relator do processo no STF, ministro Carlos Velloso, cassou a liminar, determinando a volta dela para a cela na delegacia. A decisão foi cumprida hoje de manhã por três agentes da Polícia Federal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.