Governador do ES compra carros oficiais blindados

O governador do Espírito Santo, Paulo Hartung (PSB), está comprando dois carros blindados para uso oficial, com o objetivo de se proteger de possíveis ataques do crime organizado. Os automóveis, um Ômega e um Corolla, e a blindagem sairão por R$ 300 mil, segundo o secretário de Comunicação capixaba, Sebastião Barbosa. Ele explicou que a medida é preventiva e que Hartung não recebeu ameaças diretas.?O governador está liderando o combate ao crime organizado no Estado e foi aconselhado por assessores e amigos a se resguardar?, afirmou Barbosa. Ele disse ainda acreditar que os governadores de São Paulo, Geraldo Alckmim (PSDB), e do Rio, Rosinha Matheus (PMDB), também usassem carros blindados. A informação foi negada pelas assessorias dos dois governos. Barbosa negou que o Espírito Santo planeje comprar carros blindados para outras autoridades. Os dois automóveis que estão sendo adquiridos (eles ainda não foram entregues) servirão somente ao governador, segundo o secretário. Todas as partes dos veículos serão reforçadas, inclusive o porta-malas e o piso, que será revestido de aço.No Rio, é o Legislativo que quer proteção. Três vereadores, Chico Aguiar, Paulo Mello (os dois do PMDB) e Alberto Salles (PDT) pediram carros blindados à presidência da Câmara Municipal, temendo ações criminosas. Aguiar anunciou hoje que já desistiu da idéia ? que gerou polêmica na casa e foi muito criticada pelo PT. Já Salles acha que precisa, sim, da proteção extra. Ele argumenta que preside a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga os bingos e, por isso, contraria muitos interesses. Salles contou que já recebeu ameaças e teve dois carros com adesivos com seu nome roubados em 24 horas. Mello não foi encontrado para falar sobre o assunto. O vereador Jerominho (PMDB) informou que o presidente da Câmara, Sami Jorge (PDT), lhe ofereceu um blindado por causa de ameaças que ele teria sofrido.Mas ele garante que não aceitou. O primeiro-secretário, vereador Ivan Moreira (PFL), informou que nenhum carro blindado será comprado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.