Governo de RO enviará ônibus para famílias de garimpeiros

O governo de Rondônia anunciou vai transportar em ônibus as famílias dos garimpeiros mortos na reserva indígena Roosevelt para o Instituto Médico Legal de Porto Velho, onde será feita durante a semana a necropsia dos corpos. O número de ônibus ainda não foi definido, mas o governo garante que será o suficiente para os parentes dos cerca de 25 mortos encontrados por técnicos da Fundação Nacional do Índio (Funai) na reserva indígena Roosevelt. A maior parte dos familiares mora no município de Espigão D´Oeste, cidade a 500 km (7 horas) da capital do Estado."Infelizmente, para cada um desses homens mortos, teremos que enviar um pelo menos um familiar para ajudar na identificação dos corpos, em avançado estado de decomposição", lamenta o delegado da Polícia Civil em Espigão D´Oeste, Raimundo Mendes. "As operações estão sob a responsabilidade da Polícia Federal, mas os garimpeiros já nos entregaram uma lista com o nome de 30 desaparecidos. Muitos deles devem estar entre os mortos."Os corpos garimpeiros devem ser resgatados ainda neste domingo pela Polícia Federal, que está abrindo uma clareira na mata para o pouso de um helicóptero de médio porte. Em seguida, a aeronave vai para um posto de abastecimento e segue para o IML de Porto Velho. As informações são da Agência Brasil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.