Governo de SP promove passeio a barco no Rio Tietê

Uma embarcação levando à bordo especialistas em recursos hídricos e pessoas ligadas ao turismo percorreu, hoje, um trecho do Rio Tietê em São Paulo. O objetivo do passeio foi provar que o rio está sendo despoluído e que pode se transformar em mais um roteiro turístico. Segundo o SPTV, da TV Globo, a Secretaria Estadual de Turismo quer chamar a atenção da iniciativa privada para o potencial de navegação do rio, cujas margens estão cheias de dragas, já que a carga de material de outros afluentes é constantemente descarregada ali. Foi o trabalho de rebaixamento na calha do rio que possibilitou o passeio. O rebaixamento teve início em 1998 e a idéia do governo do Estado é de que ele seja finalizado até o final deste ano. Agora, são 41 quilômetros navegáveis com um calado de 2,5 metros. Mas ainda resta o problema da poluição. O índice de oxigênio do rio é praticamente zero. Além do esgoto jogado, 35% da poluição vêm do lixo jogado nas ruas que acaba no rio. Mas para o Secretário do Turismo, Marco Antônio Castelo Branco, já é possível atrair a iniciativa privada para roteiros turísticos desde já. "Temos pressa", afirmou Castelo Branco.

Agencia Estado,

01 de julho de 2004 | 13h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.