Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Governo do Estado do Rio mantém restrição a shows e permanência nas praias até o dia 6 de outubro

Continua proibido também o estacionamento de veículos particulares em toda a orla da cidade do Rio, nos fins de semana e feriados, para quem não é morador

Fernanda Nunes, O Estado de S.Paulo

19 de setembro de 2020 | 17h46

O governo do Estado do Rio de Janeiro prorrogou até o dia 6 de outubro uma série de medidas restritivas à circulação de pessoas e aglomerações, para evitar a proliferação do coronavírus. Seguem suspensos eventos públicos, como shows, e a permanência em praias e lagoas. 

Continua proibido também o estacionamento de veículos particulares em toda a orla da cidade do Rio, nos fins de semana e feriados, para quem não é morador.  

A previsão de retorno às aulas em escolas da rede estadual e instituições de ensino superior será em 5 de outubro, como já tinha sido definido. Foi mantido ainda o horário de funcionamento de bares e restaurantes, até 1h, mas com o consumo de bebidas alcoólicas nas ruas e calçadas a partir das 22h. 

Em nota, o governo do Estado informou que subiu de três para oito o número de regiões classificadas como de baixo risco para a doença: metropolitanas I e II, Baía da Ilha Grande, médio-paraíba, centro-sul, baixada litorânea, noroeste e serrana. Cerca de 94% da população fluminense vivem nestas regiões.

Tudo o que sabemos sobre:
Rio de Janeiro [estado]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.