Governo espanhol alerta cidadãos sobre recepção no Brasil

Ministério se diz surpreso com atitude do Brasil e diz que não age de maneira discriminatória contra brasileiros

Daiene Cardoso, estadao.com.br

15 de março de 2008 | 15h09

O Ministério dos Assuntos Exteriores da Espanha advertiu a seus cidadãos que, com a chegada da Semana Santa, viajar para o Brasil pode se tornar um calvário. O jornal 'El País' alerta seus eleitores que as autoridades brasileiras estão aplicando com mais rigor os controles de imigração.   Em 73 dias, Espanha veta 1/3 do total barrado em 2007   Ação contra brasileiros é inaceitável, diz Genro   Viajar à Espanha virou pesadelo para brasileiros, diz jornal   "Recomendamos que, antes da viagem, os viajantes se informem na Embaixada e nos Consulados deste país na Espanha sobre os requisitos necessários para entrar em território brasileiro", diz a nota do governo espanhol em sua página na internet.   O jornal destaca que os espanhóis estão sendo separados do resto dos estrangeiros e submetidos a controles restritos nos aeroportos brasileiros. A ausência de reserva de hotel, diz o jornal, é motivo suficiente para que os cidadãos sejam barrados. Mesmo com o comunicado na internet, as agências de viagem afirmam que ainda não foram informadas sobre as dificuldades no Brasil e a necessidade de repassar o comunicado.   O 'El País' cita que a relação entre os países se estremeceu desde que inúmeros brasileiros relataram às autoridades casos de maus tratos e recusa no aeroporto de Barajas, em Madri. "Embora o governo de Luiz Inácio Lula da Silva negue classificar de represália o ato contra os espanhóis, o certo é que a atitude para com eles foi endurecida", diz a reportagem.   De acordo com o jornal, o Ministério do Interior espanhol está surpreso com a atitude do Brasil. "Continuamos aplicando as mesmas regras", disse um porta-voz do governo. O Ministério do Interior afirma que dos 24.355 estrangeiros impedidos de entrar no país em 2007, "só" 3.083 eram brasileiros. O governo admite que mais brasileiros foram barrados neste ano, "mas isso se deve ao fato de terem chegado muito mais", argumentou o porta-voz. Em janeiro deste ano, segundo o governo espanhol, 13.722 brasileiros entraram no país e 428 foram barrados.     O 'El País' diz que o aumento do número de chegada de brasileiros na Espanha colocam as autoridades em alerta devido ao problema da imigração ilegal, uma vez que cidadãos brasileiros não necessitam de visto prévio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.