Governo federal dará R$ 1,41 bi para saneamento ao RS

O governo federal anunciou nesta sexta-feira, 24, o repasse ao Rio Grande do Sul de R$ 1,41 bilhão para obras da vertente de saneamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Ao todo, o Estado contará com R$ 1,67 bi para obras de abastecimento de água, esgoto e urbanização de favelas, sendo que a parcela de investimentos dos governos estadual e municipais será de R$ 75,5 milhões e R$ 177,9 milhões, respectivamente. O anúncio foi feito em evento com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva na sede da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul. A ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, abriu o evento com um balanço dos objetivos do PAC. Lula é acompanhado também dos ministros de Cidades, Márcio Fortes, da Justiça, Tarso Genro, e do Desenvolvimento Agrário, Guilherme Cassel. A governadora Yeda Crusius (PSDB) e o prefeito de Porto Alegre, José Fogaça (PPS), também participam do evento. Conforme Dilma, a seleção das obras em 39 municípios considerou a existência de projetos básicos, de licença ambiental e a regularização fundiária.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.