Governo indica militar da reserva para diretoria da Anac

Allemander Jesus Pereira Filho terá que ser sabatinado no Senado antes de assumir o cargo na agência

Rosana de Cássia, do Estadão,

11 Setembro 2007 | 10h14

O governo federal publicou no Diário Oficial da União desta terça-feira, 11, uma mensagem ao Senado encaminhando o nome do major-brigadeiro do ar Allemander Jesus Pereira Filho para o cargo de diretor da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Ele deve substituir Jorge Luiz Brito Velozo, que entregou carta de renúncia no dia 28 de agosto.   Denise Abreu vai ao STF contra quebra de sigilos   De acordo com a nota publicada no D.O., a indicação de Allemander se dá "em complementação ao mandato do Jorge Luiz Brito Velozo". Antes de assumir o cargo, porém, ele terá que ser sabatinado no Senado. Atualmente, Allemander está na reserva. Ele tem 25 anos de experiência no antigo Departamento de Aviação Civil (DAC), órgão que antecedeu a Anac.   O militar foi indicado na quinta-feira, 6, pelo ministro da Defesa, Nelson Jobim, para assumir o cargo. Velozo, o ex-diretor da agência, renunciou ao cargo alegando problemas pessoais e familiares e porque "não estava conseguindo alcançar os resultados" que desejava.   Na quinta, o terceiro diretor da Anac renunciou ao cargo. Leur Lomanto entrego a diretoria da Anac após as renúncias de Denise Abreu e Jorge Luiz Velozo. Apesar de alegarem razões pessoais, os diretores sofreram inúmeras pressões por conta do acidente da Gol, em 29 de setembro de 2006, a conseqüente crise aérea e o acidente da TAM, em 17 de julho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.