Governo vai demolir camelódromo destruído por incêndio no Rio

Demolição de boxes marcada para segunda foi adiada porque comerciantes tentaram retirar mercadorias

27 de abril de 2010 | 22h19

Priscila Trindade, da Central de Notícias

 

RIO- O camelódromo perto da Central do Brasil, no centro do Rio, será demolido nesta quarta-feira, 28, segundo informações da Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio (EMOP).

 

Veja também:

linkIncêndio atinge camelódromo no centro do Rio

 

 O local foi destruído por um incêndio na segunda-feira, 26. O fogo consumiu 18 mil dos 36 mil metros quadrados da região.

 

Segundo o órgão, a demolição dos boxes marcada para hoje foi adiada em razão da tentativa dos comerciantes para tentar retirar mercadorias.

 

Engenheiros do EMOP e da Defesa Civil permitirão o acesso dos comerciantes apenas nos locais onde não haja risco iminente. As mercadorias devem ser retiradas entre 8 e 12 horas. A previsão é de que o trabalho de demolição dure uma semana.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.